O que fazemos | Vaga Lume - Empoderando crianças na Amazônia

O que fazemos

Conheça como atuamos

Começamos pelos livros, pela estrutura da biblioteca, um espaço onde é possível a troca, compartilhar saberes. Esse espaço é a principal ferramenta para atingirmos mudanças maiores e mais significativas nas crianças e jovens da comunidade. A biblioteca é o primeiro passo para o desenho de uma trajetória de empoderamento da criança.

A nossa estratégia é baseada em 5 pilares:

1. Livros: acesso à literatura e infraestrutura de biblioteca
Por meio da doação de exemplares de alta literatura, esteiras e estantes, as comunidades passam a gerir e preservar suas bibliotecas (que podem tanto ficar dentro das escolas locais quanto possuírem suas próprias sedes)

2. Mediador: formação de mediadores de leitura
Formação de famílias, educadores e membros da comunidade como mediadores de leitura, conectando os livros às pessoas. E capacitação de multiplicadores para difundir a metodologia da Vaga Lume a partir das lideranças locais.

3. Gestão Comunitária: apoio ao engajamento comunitário
Através da identificação das lideranças locais e mobilização de voluntários, estimulamos uma gestão comunitária para a criação de um senso de pertencimento e de identificação com o projeto. Afinal, as bibliotecas pertencem às comunidades!

4. Cultura Local: valorização da cultura local e produção de livros artesanais
Fortalecimento da cultura de cada comunidade por meio do incentivo à realização de rodas de histórias e da capacitação de moradores para registrá-las em livros artesanais, valorizando a oralidade e as tradições locais.

5. Intercâmbio Cultural: Programa Rede
Promoção de um diálogo intercultural entre jovens das comunidades da Amazônia e escolas e organizações sociais do Sudeste brasileiro, em uma experiência para compartilhar saberes acerca de suas identidades e comunidades.

  • Mais de 109.000 crianças e jovens impactados desde 2001
  • 177.858 livros doados
  • 808 voluntários atuantes na Amazônia Legal
  • 5.074 adolescentes já participaram do intercâmbio cultural
  • Mais de 5.000 mediadores de leitura formados
  • 27 Encontros e Congressos realizados com a rede de voluntários